terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Para Cristal | Impressões do Amanhecer

Eu quis prever
Quis saber em qual mar nascerá
A manhã cristalina.

Pois me disse a cristalomancia
Que o tempo trará
O afã de amar
Numa manhã cristalina.

Eu quis mais:
Quis o cais e os sais do mar,
Quis cristais,
Quis cristalizar os sons do mar
Para presentear amores diversos...

Eu quero mais e ouço brotar no silêncio cristalóide voz...
E vejo crescerem crisântemos no jardim dos dias
todo dia, quando ela começa a cantar.
.