terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Dicionário das Coisas do Céu | NOITE


março, 2006
_______________

Tudo era molhado de chuva e muitas nuvens escuras escondiam as estrelas...

Havia um vento que se balançava nos galhos das árvores... sozinho...

Os gatos se lambiam,

E os pássaros recolhiam-se para dormir,

Cães vagavam sem sono, sem sono...

Frutas morriam antes de amadurecer.

Haviam formigas no eterno reconstruir.

Havia um céu adormecido na obrigação de amanhecer...

Havia um vazio descabido quando não havia você,...

Mas agora há!
.

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Arquivo do blog

Instagram

Instagram

Seguidores