domingo, 26 de maio de 2013

Caminhos

 
 
Pois que são tortos e belos os caminhos sinuosos.
E as pedras que neles há,
Se os dificultam também o embelezam.
 
A vida é a mesma em qualquer parte:
Uma força abstrata, pingente em um fio também abstrato
Que chamo de esperança ou fé ou amor.