sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Os Pobres | Roberto Sosa (1930 - 2011)

OS POBRES

Os pobres são muitos e por isso
é impossível esquecê-los.


Seguramente
veem
nos amanheceres múltiplos edifícios onde eles
quiseram habitar; com seus filhos.

Podem
levar nos ombros
o féretro de uma estrela.


Podem
destruir o ar como aves furiosas,
nublar o sol.

Mas desconhecendo seus tesouros
entram e saem por espelhos de sangue;
caminham e morrem lentamente


Por isso é impossível
esquecê-los.


@zekrodrigues

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Arquivo do blog

Instagram

Instagram

Seguidores